19 março 2013

por dentro

nem sabia que era podre por dentro
o peito
e as costelas do coração cinza
eram
eram, sim, meu pequeno.

porque de magia negra sobreviveu
a pele
mas não o
amor.
Postar um comentário